O secretário e Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Francisco Vuolo, se reuniu na manhã desta terça-feira (8).
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Gustavo Duarte

O secretário e Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Francisco Vuolo, se reuniu na manhã desta terça-feira (8), com representantes da Empresa Mato-Grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) para alinhar os detalhes sobre a apresentação das ações realizadas na Unidade de Referência Técnica (URT) para a produção de leite, no Assentamento 21 de Abril. O evento está previso para ser realizado no final do mês de abril.

Essa é uma ação do programa Agro da Gente, integra o ‘Pra Frente Cuiabá’, uma iniciativa da gestão Emanuel Pinheiro que visa o fortalecimento da economia e a geração de emprego e renda.

A propriedade rural pertence ao senhor Sérgio e à dona Rosinei, pequenos produtores de queijo e requeijão na região rural do município.  No local, é desenvolvido o projeto-piloto da URT para a produção do leite, que tem como objetivo fomentar o processamento e certificação dos produtos para atender o comércio da Capital.

“Nosso objetivo é garantir que esse espaço da URT seja uma referência, desde o ordenamento na produção do leite, aumentando a capacidade de produção com o manejo adequado, pasto adequado e passando pelo processo da sustentabilidade, envolvendo as questões da energia solar e do biodigestor, assim atingindo o aspecto do processamento onde é realizada a coleta do leite, que depois será transformado agregando valor num processo correto com relação à inspeção sanitária”, disse o secretário.

No mês passado, Vuolo e a equipe técnica da Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, juntamente com os técnicos da Empaer, estiveram na propriedade rural para entrega de equipamentos para a estrutura do curral que está sendo construído no local.

“Esse ciclo todo está sendo montado com a Empaer e será apresentado dentro do nosso cronograma. a intenção é que seja realizado todo um workshop onde será apresentado oficialmente como era antes e todas as evoluções que ocorreram e, ao mesmo tempo, potencializar toda aquela região para que os produtores de leite tenham uma opção a mais de venda, não só aos laticínios. A última etapa será a comercialização que será realizada após a conclusão desse processo faremos uma apresentação da URT aos supermercados e hipermercados para que conheçam a produção local e possamos ter preços competitivos para atender o mercado”, concluiu o secretário.

Foram premiadas as mais produtivas vacas das categorias adulta e jovem para dois produtores de Carlos Barbosa.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER