Segundo ministério, entre janeiro e novembro de 2021, estado exportou 2.054.067 litros de leite e derivados. Importação foi quase o triplo.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Paraná foi reconhecido como área livre da febre aftosa, sem vacinação, pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), em março de 2021. — Foto: Divulgação/Aged

O Brasil está entre os cinco maiores países produtores de leite e a região sul do país tem se destacado. Segundo a Secretaria Estadual de Agricultura, o leite é o quarto produto do campo paranaense em geração de riqueza.

O estado produz 4 bilhões e 300 milhões de litros de leite por ano e a região sudoeste do Paraná é a que mais produz: são cerca de 1 bilhão de litros por ano.

De acordo com o Secretário da Agricultura do Paraná, Norberto Ortigara, a produção de leite no Paraná é relevante.

“O sul do Brasil passou a ser a meca do leite. Essa grande região caracterizada pelo oeste e sudoeste do Paraná já são maiores que o sudeste brasileiro, que a Argentina e o Uruguai. Passamos a ser referência”, afirma o secretário.

O Ministro da Agricultura, Pecuária e Pesca da Nação, Julián Domínguez, realizou uma reunião bilateral com seu homólogo brasileiro, Marcos Montes Cordeiro.

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER