O criador Geovane Siqueira, com propriedade no município de Aragominas, no Tocantins, contou que pretende produzir silagem de Capiaçu, clone de Capim Elefante desenvolvido pela Embrapa, com o objetivo de aumentar a produção de leite de sua vacada.
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
capim-brs-capiacu-clone-capim-elefante-embrapa-producao-silagem-vai-aumentar-producao-de-leite

O criador Geovane Siqueira, com propriedade no município de Aragominas, no Tocantins, contou que pretende produzir silagem de Capiaçuclone de Capim Elefante desenvolvido pela Embrapa, com o objetivo de aumentar a produção de leite de sua vacada.

O zootecnista e pecuarista Tiago Felipini, consultor da Alcance Planejamento Rural especialista em nutrição, ajudou o produtor, esclarecendo sua dúvida.

“O Capiaçu, exclusivo, não vai aumentar na sua produção de leite, a não ser que o seu rebanho esteja sofrendo restrição alimentar, ou seja, a não ser que esteja faltando comida para ele. Às vezes o gado está num pasto de baixa qualidade, um pasto com pouca folha, e quando você entra com suplemento volumoso em grande oferta, o gado tende a subir a produção”, analisou Felipini.

Para aumentar efetivamente a produção de leite, o zootecnista indicou que o pecuarista deve pensar no fornecimento de ração. “Eu recomendo que você forneça, além de (silagem de) Capiaçu, um pouco de ração, uma ração proteica para o seu rebanho. A ração proteica é aquela que tem acima de 18% de proteína bruta. Essa ração vai ajudar a sua produção leite a melhorar. Você pode trabalhar com três litros de leite para um quilo de ração tranquilamente. Ou, dependendo até do preço do leite e da ração, pode até trabalhar com dois para um, dois litros de leite para um quilo de ração. Essa é uma conta boa para você e vai variar conforme o preço do leite, claro”, ponderou.

O zootecnista indicou também como fazer o manejo do Capiaçu. Segundo o especialista, quanto mais rente ao solo for o corte, mais rica em fibra será a silagem. “Cortando acima de um metro de altura para fornecer para o gado, evitando cortar a parte mais baixa, pode aumentar um pouco a produção de leite, mas aí você perde na quantidade de fibra que você põe na dieta. Então o ideal é que você corte ele rente ao solo, ou com 40 cm pelo menos, e forneça uma ração proteica para poder melhorar a qualidade da dieta e para poder aumentar a produção de leite”, concluiu.

 

A resposta completa do especialista segue disponível pelo player abaixo:

 

Aumento acumulado nos últimos 12 meses atingiu 39,72%, aponta a Embrapa

Você pode estar interessado em

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Para comentar ou responder, você deve 

ou

Notas
Relacionadas

ASSINE NOSSO NEWSLETTER